Um pouco sobre Midias socias

É impressionante como ainda existem pessoas que não entenderam o real funcionamento das mídias sociais.

Conheço pessoas muito próximas que se nunca ouviram falar do Orkut, já tem perfil e só sabem postar fotos e ficar vendo o que outras pessoas estão postando de fotos, depoimentos, recados e mensagens.

Concordo com minha esposa quando diz que estas pessoas estão se esquecendo do básico, como por exemplo, ler um livro.

Neste último dia 31/08/2009, tive a oportunidade de ouvir de uma educadora que a educação formal deve se iniciar em casa e não transferí-lá para a escola como estamos fazendo.

Hoje em dia, pai e mãe precisam trabalhar para terem uma vida digna. Entretanto, as exigências da vida moderna muitas vezes nos deixam a mercê das escolas que fazem de conta que estão ensinando e de nós pais que fazemos de conta que nossos filhos estão sendo educados.

Estar ou não presente nas mídias sociais, deve ser uma decisão a ser tomada com um objetivo único, estar atento a tudo o que está acontecendo no mundo.

Uma das mídias que eu acho super interessante é o Twitter, vc é quem escolhe quem irá seguir e as pessoas lhe escolhem se irão lhe seguir. Para que isto ocorra, é preciso apenas uma coisa super básica, afinidade.

Pronto, falei.

No próximo post falarei um pouco sobre o que está bombando na mídia, a camada pré sal.

2 comments

  1. Comentário I
    Meu bem,
    Não tenho nada contra as mídias sociais. O que penso é que muita coisa está sendo mostrada, mas sem qualidade.
    Atualmente tudo é rápido, descartável, sem reflexão e aprender exige disciplina, tempo e “suor”.
    Neste sentido, postar um texto no Blog pode ser educativo, já que, se fosse um diário, ninguém iria ler e muito menos corrigir. Por exemplo: Você colocou um título para o texto que não espelhou o conteúdo.

    Curtir

  2. Comentário II

    Se eu consigo me comunicar com quem tenho afinidade somente pelo Twitter, e-mail, orkut, facebook ou coisa parecida, tem algo errado mesmo.
    Tudo bem, a vida está corrida, eu concordo.
    Praticidade é importante, mas bom senso é tão importante quanto.
    Não posso passar mais tempo no Twitter, orkut, sei lá mais o que…do que o tempo que eu deveria estar usando para beijar quem amo, brincar com meu filho, ler um bom livro, passear no parque, visitar um amigo, dar atenção para alguém. Não tenho dúvidas de que estamos nos comunicando, a dúvida é sobre a natureza desta comunicação. Sinto que a superficialidade tomou conta dos diálogos. Não há espaço para conversas longas, pausadas, discussões, conflitos, troca de idéias, conclusões. Eu sigo quem tenho afinidade e quem tem afinidade comigo, me segue. Como saber se há afinidade, se não houve espaço para a construção desta???

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s