Estudantes da UnB criam softwares para auxiliar na educação inclusiva

Sala Aberta

Estudantes da Universidade de Brasília (UnB) desenvolveram três softwares educacionais, através do Projeto Participar, que prometem auxiliar na educação de jovens e adultos com deficiência intelectual

Fonte: Nova Escola Fonte: Nova Escola

As ferramentas foram pensadas e desenvolvidas por uma equipe composta por estudantes e professor do Departamento de Ciência da Computação da UnB, com uma consultoria pedagógica, visando atender às necessidades reais dos alunos. Como próprio nome do projeto já revela, o Participar nasce com o intuito de promover uma maior participação dos deficientes intelectuais na vida escolar e na social.

Apesar de os programas ainda estarem em configuração primária, podem ser extremamente úteis aos educadores que encontram dificuldades no seu dia a dia. Eles já  são utilizados em 650 escolas públicas do Distrito Federal.

Os três programas foram pensados para serem executados em computadores mais antigos, que ainda estão presentes nos laboratórios de informática de muitas escolas no Brasil, com o objetivo claro de servir de…

Ver o post original 50 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s